Coats

×

Nossas peças compostas

O mundo automotivo se move rapidamente

O mundo automotivo se move rapidamente (se você permitir o trocadilho) e, estar na vanguarda dele pode ser a diferença entre pequenas frações de medição.

Uma fração de segundo aqui, um grama ali. E esses números mudam amplamente, dependendo da composição de materiais do veículo. Se você já tentou vencer uma corrida de F1 em um chassi de aço (nunca tentamos) você sabe: os metais pesados saem e os compostos leves entram. Então, não é uma surpresa que tantos líderes do setor compareçam a eventos como a Composite Expo da JEC, com a última recebendo mais de 43.500 participantes em Paris para conhecerem os melhores e mais recentes desenvolvimentos. Nós comparecemos, pelo terceiro ano consecutivo, junto com tomadores de decisão dos setores esportivos e aeroespaciais.

Dois se tornam um

Em termos leigos, compostos são uma mistura de duas ou mais substâncias, unidas para criar um material que realiza seu trabalho melhor em comparação com o material individual. Para os setores automotivo, aeroespacial e esportivo, isso normalmente significa mais rápido, mais leve e feito para durar. Pense em painéis de carcaça que pesam uma fração de seus equivalentes de aço e, atualmente, novos usos estruturais revolucionários em painéis de porta e placas de piso. Selecionados por sua relação de alta resistência e peso, compostos estão se tornando, rapidamente, a norma na fabricação de carros, com fabricantes sendo atraídos pelo seu custo, eficiência na produção, flexibilidade e vida útil.

Em movimento

Quando se trata de compostos, os fabricantes desejam duas coisas: uma redução no peso e uma redução no custo em comparação com as soluções de metal leve concorrentes. Para o setor automotivo na UE, pelo menos, isso é guiado parcialmente pela demanda por melhor eficiência de combustível e pela necessidade de conformidade com a mudança na legislação 1 sobre emissões. Na realidade, em se tratando de credenciais ecológicas, compostos estão encontrando sua base e se tornando cada vez mais recicláveis também.

Registro comprovado

Existem exemplos no setor de empresas usando compostos para economizar tempo e dinheiro. Veja o modelo de teto solar enrolável de vidro fixo desenvolvido por uma equipe na França2. Com trilhos de guia feitos de compostos ao invés de alumínio, os desenvolvedores puderam reduzir o peso, o custo e as ferramentas, oferecendo a mesma proteção solar. E, como seu composto pode ser produzido usando moldes, eles podem pular os processos de soldagem e usinagem, que envolvem diversas etapas e um trabalho intenso, normalmente exigidos com o alumínio. Há também o protótipo de subquadro de composto de fibra de carbono desenvolvido para a Ford para reduzir o peso do veículo, reduzir as emissões e melhorar a eficiência do combustível. 45 peças de aço foram substituídas por duas moldadas e quatro metálicas, resultando em uma impressionante redução de 87% no número de peças e uma redução de 35% na massa.

JEC Value Stream

Nossa inovação

Em nossos próprios testes e estudos de caso, também encontramos resultados surpreendentes de nossos produtos Synergex™ e Lattice™. A Synergex™ da Coats é uma linha de fibras de composto altamente avançadas e personalizáveis que podem ser processadas em pré-formas usando o processo Lattice™. . Já contendo uma resina termoplástica, as pré-formas podem, então, serem moldadas em formatos complexos. Além disso, as pré-formas Lattice™ podem ser produzidas na forma de rede, usando somente fibras reforçadas para processos termoendurecíveis como HP-RTM, RTM, infusão e moldagem de composto líquido. E o peso? Um estudo de design com simulações de caso com carga mostraram que LDSMC externo e Synergex interno podem resultar em um peso 57% mais leve que o aço e 31% mais leve que o alumínio. De fato, nossas soluções otimizadas podem oferecer uma redução de 70% no peso em comparação com o aço. Essa linha de fibra de carbono foi feita para os setores eólico, automotivo, aeroespacial e esportivo, podendo ser personalizada com diferentes revestimentos e enrolamentos. Da mesma forma, nosso produto condutor Lattice™ permite a incorporação de passagens condutoras isoladas através dos componentes estruturais, permitindo a integração em potencial de funcionalidade com chicote, monitoramento de integridade do composto, elementos de aquecimento, sensores de capacitância e muitos outros tipos de sensores.

Material premiado

Em um mundo onde a eficiência do combustível e a responsabilidade ambiental caminham lado a lado, o setor automotivo está tendo que encontrar novas formas de melhorar o desempenho, e os compostos estão provando, em cada aplicação, serem uma mistura quase perfeita de resistência, peso e durabilidade. Resistentes a corrosão, feitos para suportar impactos e desenvolvidos usando ciência líder do setor: se existir um desafio a ser enfrentado, nós provavelmente teremos o composto certo para o trabalho. Descubra o motivo pelo qual fomos chamados para ajudar no desenvolvimento do carro esportivo Rp1 da Elemental3, e descubra mais sobre Synergex e Lattice conversando com um de nossos especialistas.

1. Compostos de polímero para sustentabilidade automotiva.
2. Visão geral dos compostos de termoplástico.
3. Coats faz parceria com a Elemental.