Coats

Redução do uso de água em máquinas de tingimento tradicionais

Redução do uso de água em máquinas de tingimento tradicionais

A nova geração de máquinas de tingimento é mais eficiente em termos de água do que as mais antigas.

A eficiência intrínseca de água das máquinas é medida pela proporção de licor. Esta é a proporção de água para linha quando a máquina está cheia e máquinas mais antigas típicas operam a uma proporção de 8:1, enquanto as máquinas mais modernas são capazes de operar a 4,5:1. Isso significa uma economia de água de 44% para a mesma produção e é obtido, em maior parte, por meio de projetos aprimorados de bombas e tubulações. No entanto, embora todas as nossas máquinas novas sejam designs de baixa proporção de licor, com quase 2.000 máquinas de tingimento em uso, temos muitas máquinas mais antigas que ainda têm anos de vida.

Nossa equipe em Bangladesh tem se desafiado a encontrar formas de atingir proporções de licor mais baixas em máquinas antigas sem modificá-las. Maximizando a carga da linha, otimizando o nível de água, racionalizando a direção do fluxo e ajustando as velocidades da bomba, eles conseguiram reduzir a proporção de licor de 8:1 para 6,5:1, uma redução de 19% no uso de água. A economia de água também afeta o uso de energia, pois um volume menor de água consome menos energia térmica para elevá-lo às temperaturas operacionais.

Vamos ampliar essa abordagem inovadora para outras tinturarias em 2020.

Leia mais estudos de caso